Em que posso ajudar?



Esolha uma Unidade

Curitiba

guas Belas

Cidade Jardim

Microchip

Microchip

Ninguém gosta de falar sobre isso, mas à medida que seu filhote cresce, você vai querer ter a certeza de que ele pode ser encontrado e devolvido caso ele se perca ou seja furtado. A aplicação de microchip está se tornando o método preferido de identificação permanente do animal para um número cada vez maior de proprietários, além de ser rápido, simples e barato. A aplicação de microchip em seu animal de estimação é um meio eficaz de garantir sua identificação permanente.

O microchip é um dispositivo muito pequeno, quase do mesmo tamanho de um grão de arroz, que pode ser inserido por meio de injeção subcutânea na parte dorsal do pescoço. Esse procedimento é rápido e semelhante às vacinações de seu filhote e, uma vez inserido o chip, seu animal de estimação não notará a presença.

O chip por si só contém um código exclusivo que pode ser detectado com o uso de uma espécie de scanner manual ou leitor portátil quando passado sobre o animal de estimação.

Cada código é registrado em um banco de dados, juntamente com detalhes sobre o animal de estimação e o proprietário. Ter seu animal de estimação com microchip significa que ele sempre poderá ser rastreado de volta ao seu proprietário. Se esse animal se perder ou for levado para alguma clínica veterinária, centro de resgate, posto policial ou abrigo, ele será “escaneado” para verificar a presença de algum microchip. Isso permitirá a identificação e o retorno imediatos do animal a você, poupando-o da angústia de se preocupar e buscar por seu animal de estimação. Além disso, se ele tiver se machucado enquanto estava distante de você, o microchip permitirá que o veterinário saiba que ele tem um dono e entrará em contato com você imediatamente para discutir as decisões críticas sobre o tratamento.

Garantir que seu animal de estimação possa ser identificado faz parte de uma posse responsável, assim a aplicação de um microchip oferece uma solução eficaz e confiável, trazendo a você mais tranquilidade.

Cadastro de Animal

Quantas vezes nós somos surpreendidos com avisos de animais que se perderam. Para tentar facilitar a vida do cidadão responsável por um animal de estimação a Prefeitura de Curitiba lhe oferece a possibilidade de microchipá-lo e cadastrá-lo no Sistema de Identificação Animal (SIA), o que facilitará sua localização no caso de desaparecimento. O SIA é muito fácil de operar e faz parte da Rede de Defesa e Proteção Animal da Cidade de Curitiba. Ele trará muita segurança para todos nós.

Coopere com o seu melhor amigo levando-o num dos eventos da Prefeitura de Curitiba, para a colocação do microchip. Assim, você poderá ficar despreocupado e terá mais segurança e tranquilidade.

Lembre-se sempre: Animal cadastrado é animal seguro. Quem ama cadastra!

Caso você não resida em Curitiba, você poderá cadastrar o seu animal no site abaixo

Dúvidas Frequentes

O Microchip é um micro circuito eletrônico contendo um código único e inalterável, inserido em uma cápsula de biovidro cirúrgico e revestido de substâncias de propriedades antimigratórias, possibilitando a implantação em animais. Portanto, cada microchip tem um número, vinculado ao cadastro do responsável.

É importante ressaltar que ao contrário do que muitos pensam, o microchip não tem a função de rastreabilidade por satélites. Ao passar a leitora/scanner, consegue-se através do código do microchip localizar o cadastro do responsável. Trata-se, portanto, de mecanismo de identificação do animal, que por sua vez, permite que este seja rastreado através de rede de contatos. Ou seja, se o seu animal desapareceu, informe imediatamente a RDPA que disponibilizará esses dados para grande número de contatos e parceiros que ajudarão na busca pelo animal.

Conforme o Art. 11 da Lei Municipal 13.914/2011, “a doação de animais poderá ser realizada, desde que estes estejam ‘microchipados’, cadastrados no Sistema de Identificação Animal da Rede de Defesa e Proteção Animal e esterelizados”. A Rede de Defesa e Proteção Animal (RDPA) promove ou intermedeia a adoção de animais que se enquadram nessas condições, ou seja, estão castrados e identificados, aptos para adoção.

A implantação do microchip é um procedimento realizado pelo Médico Veterinário, sem o uso de anestesia geral, pois não há necessidade diante da rapidez do processo e do pequeno tamanho do microchip.

A equipe de fiscais da RDPA realiza vistorias para verificação de maus tratos aos animais, conforme determina a Lei Municipal 13.908/2011, que estabelece sanções e penalidades administrativas para aqueles que praticarem maus-tratos aos animais.

Denúncias podem ser feitas através do sistema 156 da Prefeitura Municipal de Curitiba (http://www.central156.org.br/ ou pelo telefone 156). Ressalta-se que em caso de constatação de irregularidades, inicialmente a sanção punitiva é advertência por escrito.

Faça sua denúncia com responsabilidade! Antes de mobilizar a equipe da RDPA, certifique-se de que realmente se trata de situação irregular.

Não. A comercialização de animais em pet shops e estabelecimentos que possuem o devido alvará para essa atividade não é proibida no Município de Curitiba, mas sim regulamentada conforme determina a Lei Municipal 13.914/2011 que disciplina o comércio de animais de estimação no Município de Curitiba.

No caso de desrespeito ao que estabelece a Lei 13.914/2011, as denúncias podem ser feitas através do sistema 156 da Prefeitura Municipal de Curitiba (http://www.central156.org.br/ ou pelo telefone 156). Ressalta-se que em caso de constatação de irregularidades, inicialmente a sanção punitiva é advertência por escrito.

No final do ano de 2005 a Prefeitura de Curitiba interrompeu as atividades de recolhimento indiscriminado de animais (carrocinha). Atualmente, existe o recolhimento seletivo (animais de grande porte e cães ferozes em vias públicas), sob coordenação da Secretaria Municipal de Saúde em parceria com a Guarda Municipal.

Nosso Dom foi super bem atendido, e o Dr, tirou todas nossas dúvidas ! Excelente atendimento na nossa primeira consulta … muito obrigada

Lizi Borge